Município de Alenquer

Em julho, Alenquer volta a ser capital das Músicas do Mundo

23/06/2022

Ciclo temático tem início a 1 de julho

Durante o mês de julho, Alenquer vai dar palco às Músicas do Mundo.

Uma vez mais, o município dinamiza este ciclo temático, que vai para a sua terceira edição, tendo como objetivo principal levar à população do concelho outros tipos de sonoridades menos conhecidas, na perspetiva de alargar o horizonte cultural dos munícipes.

O evento tem início logo no dia 1 e estende-se por três fins de semana, até 16 de julho, trazendo ritmos como flamengo, samba, jazz ou blues, mas também música tradicional mexicana ou latina.

O cartaz promete atrair muitos aficionados, com nomes como “Anduria”, “Xavier Flamengo”, “Los Cubariachis”, “Silver Coast Blues”, “Sílvia Nazário Trio” ou “Com Sabor”.

“A edição de 2022 vem consolidar um projeto que começou há alguns anos e que tem tido boa recetividade por parte do público, até porque assenta na divulgação de outros tipos de sonoridades menos conhecidas junto da nossa população. Funciona numa lógica recreativa e de lazer, dado também o período de verão em que ocorre, mas também numa dimensão mais cultural, de dar a conhecer outros estilos musicais”, refere Rui Costa, vereador da Câmara Municipal de Alenquer com o pelouro da Cultura e Turismo.

A grande novidade desta edição prende-se com a localização dos espetáculos, com Meca e Olhalvo a juntarem-se a Alenquer e Carregado, como palcos da iniciativa deste ano, ao invés de Abrigada e de Merceana, como ocorreu em edições anteriores.

“Para além de Alenquer e Carregado, que fizeram sempre parte da programação mais intensiva deste ciclo, estaremos também presentes nas freguesias de Meca e de Olhalvo, ao invés de em Abrigada e Merceana, até porque este projeto tem também o objetivo de levar a cultura e a música aos nossos aglomerados urbanos em áreas mais rurais do concelho. Tudo isto, justifica a nossa vontade de querer estar presente em todo o lado, de acordo com aquilo que nos parece também ser o objetivo dos munícipes das áreas mais afastadas dos polos urbanos do nosso concelho”, explica Rui Costa.

Marque então na agenda os dias 1, 2, 8, 9, 15 e 16 de julho. Os concertos são de entrada gratuita e acontecem à noite, sempre pelas 21h30.

Voltar ao topo